back to top
Para falarmos sobre religiosidade, tendencias espiritas e a necessidade de uma orientação religiosa nos HipHopas , convidamos teologos e alguns representantes religiosos, mas infelizmente os teólogos não apareceram, estiveram connosco apenas dois irmãos estudantes da Bíblia e outros dois em representação do Islão, acabamos assim por ter um encontro em que cada um destes dois representantes de duas grandes religiões a confrontarem-se (infelizmente), e o mais importante a explicarem para os presentes em que bases ideológicas sentam as suas crenças, que lider espiritual os guia e que livro usam como orientação espiritual… 
Irmão Albino e o irmão Menezes, fizeram a abertura do WorkShop, explicando as diferensas entre Espiritualidade, Crensas e Religiosidade. 
 Depois do Inicio do WorkShop, juntaram-se a mesa os irmãos da 3.ª Divisão, que frequentam a Universidade Hip Hop desde a sua abertura e por isso ja são bastantes conhecidos, estiveram na mesa em representação do Islão, para nos ajudarem a compreender melhor esta religiâo que é nos últimos dez anos bastante estigmatizada…
 A plateia acompanhava atenta cada explicação dos Oradores, questionando sempre que alguma questão lhes chama-se atenção…
Alguns dos presentes eram de opinião que este tipo de debates não devem ser levados no seio da comunidade Hip Hop
Hata em representação do Islão, ajudando alguns dos presentes a compreender melhor a religião Islamica…

No intervalo do WorkShop tivemos o Lord-B que em Akappela fez a apresentação de duas tracks…

Dave-Ju também se fez presente e depois de oferecer algumas cópias do seu disco promo, dropou algumas faixas…
A Segunda parte do WorkShop foi mais virado para se realçar os pontos positivos que uma orientação espiritual pode trazer para o movimento Hip Hop….
De uma forma alternada, os oradores falavam cada um baseado nas suas orientações religiosas, que a preocupação pela comunidade de quem segue a Jesus Cristo ou Mohamed é bem maior, e isto reflecte-se directamente nas letras das suas musicas, nos seus graffites e na sua forma de estar perante a sociedade.  
A plateia esteve muito participativa, com algumas perguntas pertinentes, a citar : Como definir claramente que o Judaísmo é a mais antiga das religiões, se Nzambi ja era um termo usado entre os povo Bantu antes da chegada dos Europeus, ou como definir a orientação espiritual que os Antigos Egípcios tiveram?… Fim de citação. Em questões como estas sentiu-se a necessidade de um teólogo…
Mas os Oradores poderam dar respostas para aquelas questões mais ligadas as suas Religiões…
Para encerrarmos a tarde, Lala fez a abertura de mais um bloco musical…

leave a comment